Escolha uma Página

OFICINA DE BORDADOS EM FOTOGRAFIA | BH

No dia 14 de julho, o Manitu Estúdio esteve em terras belo-horizontinas para mais uma oficina livre de Bordados em Fotografia. A oficina aconteceu ao fim do dia, durante a Feira Pulga, realizada semanalmente na Praça Nova York, zona sul de Belo Horizonte. Em meio às arvores e bancos da praça, crianças, jovens, adultos e idosos se juntaram à Renata Malachias para experimentar o fazer manual, a arte do bordado.

IMG_0934

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

A ideia era que cada um levasse uma fotografia P&B para fazer uma intervenção livre com as linhas coloridas. As ferramentas de trabalho ficaram por conta de Renata, que ofereceu agulhas, linhas e todo o seu conhecimento sobre os bordados a cada um que se aproximava.

As crianças foram as primeiras a chegar! Renata conversou com cada uma delas, fez perguntas, explicou as técnicas, os pontos e as deixou livres para criar seus próprios traços e histórias, mas sempre ali presente, auxiliando e trocando impressões sobre cada novo desenho que surgia.

“O ensino precisa ser libertador, instrumento de autonomia – senão perde o sentido.”

IMG_1109

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

IMG_0924

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

IMG_0994

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

A superparceira do Manitu Estúdio, Joanna Sanglard também marcou presença na oficina, com a linda coleção de cestos e bolsas Tramas Longa Vida, da Híbrida Brasil. Tudo produzido a partir do reaproveitamento de embalagens longa vida!

IMG_1025

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

As novas formas, cores e possibilidades do bordado logo despertaram a curiosidade de quem passava por ali. Aos poucos, mais pessoas foram se juntando à “nova” turma de artesãs e artesãos que seguiu noite adentro trabalhando, envolvida pelas linhas e embalada pelo som do acordeom, que animava a festa junina da feira.

IMG_1058

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

Por meio das oficinas, o Manitu Estúdio busca despertar o gosto pelo fazer manual, através de instrumentos que possibilitem iniciar um trabalho artístico, aprender um ofício, trocar ideias, brincar em família ou até mesmo relaxar. O importante é que as pessoas saiam da atividade felizes e com vontade de continuar criando em suas próprias casas.

“O trabalho manual é uma atividade de autoconhecimento e de reflexão e procuro dar muito espaço a isso.”

IMG_1064

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

IMG_1085

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

IMG_1254

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

IMG_1285

Foto: Jô Moreira | imagem protegida por direitos autorais

Vamos bordar?

FOTOGRAFIAS BORDADAS | A arte de contar histórias

Com linhas, botões e miçangas, Renata Malachias borda sobre fotografias impressas em tecido. O trabalho é um dos carros-chefe do Manitu Estúdio que, desde 2015, desenvolve objetos únicos e personalizados.

As imagens são primeiramente tratadas e impressas em tecido de algodão de alta qualidade para então, receberem uma intervenção em bordado. O acabamento é feito com montagem em bastidores de bambu decorados. Tudo feito pelas mãos de Renata.

materiais-fotos-bordadas

Com um olhar contemporâneo e sempre atento às cores e proporções, ela traz em seu trabalho elementos das memórias dos retratos e de quem está retratado ali. De maneira lúdica e cheia de significado, as linhas destacam traços marcantes e contam novas e antigas histórias. Fotografias de um momento único ganham, em plena era digital, a eternidade de peças bordadas com amor e a versatilidade dos tempos atuais. As peças podem decorar festas de aniversário ou reuniões de família, por exemplo, para depois ocupar aquele lugar especial na parede de casa.

fotografia-bordada-peter-pan

Renata faz perguntas, observa, absorve referências e traduz tudo isso em elementos que variam desde o trecho de uma música a um objeto que acompanha a vida daquela pessoa há anos. A ideia é capturar algo pessoal e não fazer uma simples intervenção estética na imagem, como aqueles antigos pintores de fotografia p & b.

DSC_0310

Trata-se de um trabalho artesanal, feito sob encomenda, com dedicação e materiais de qualidade. São formas únicas e personalizadas de contar momentos felizes e importantes – sejam eles sobre gente relevante ou sobre uma ocasião que merece ser lembrada e celebrada por anos a fio.

Mães, madrastas, pães, família… Homenagens especiais neste mês de maio

Foi pensando no exercício de criar peças para pessoas que não conheço, mas com significado em uma data tão especial como é o Dia das Mães, que fiz uma série de bordados em tecido para presentear pessoas únicas de um jeito singular. A ideia era dar sequência às minhas séries pensadas em personalidades que fazem do nosso mundo um lugar diferente, personagens importantes na nossa história e no nosso imaginário… Mas o Dia das Mães não é apenas sobre mães, certo? Enfim, a série representa minha homenagem a pessoas que admiro e faço questão de seguir nas redes sociais. Gente com conteúdo. Gente presente no aqui e agora. Gente que faz.

Na hora de selecionar os presenteados que receberiam os bordados-surpresa (com fotos tiradas de suas contas no Instagram) na véspera da ocasião, pensei em mães, madrastas e pães de diversos moldes. O retorno foi incrível. Abaixo, conto um pouco sobre como foi produzir cada peça.

O primeiro dos bordados foi feito para o estilista Alexandre Herchcovitch que, ao lado de seu marido, Fábio Souza, e os dois filhos do casal, formam uma família com dois “pães”. Esse trabalho foi o mais emocionante porque representa novas configurações familiares e a possibilidade de que os papéis dentro de uma família não sejam determinados simplesmente por questões de gênero. Bordei uma casa ao redor dos quatro, imaginando-os naquele que é o lugar onde uma família se sente protegida.

Para a blogueira Ale Garattoni, decorei com aviõezinhos de papel uma foto em que ela está sentada no aeroporto com sua filha, Maria Helena. Sei como é criar filho longe da família, o sentimento de pertencimento a dois lugares e a sensação de estar sempre com o coração indo e voltando, por isso achei que os aviões seriam uma boa representação.

A foto que escolhi para presentear Susana Barbosa, diretora de redação e de moda da Elle Brasil, retrata um momento muito diferente do glamour do universo da moda: ela deitada em sua cama com seus dois filhos. Isso nos ajuda a enxergar que existe sofisticação também nas coisas mais simples do nosso dia a dia.

Outra mãe presenteada foi Costanza Pascolato, grande referência do mundo da moda e símbolo de elegância. Acho ela uma representação de mãe muito legal, porque é uma mulher que conseguiu transmitir para suas filhas não só beleza física, mas também educação, classe e postura. No dia em que ela recebeu o bordado, me ligou logo cedo. Fiquei surpresa e emocionada. Não à toa, ela é considerada uma referência em elegância no país. Imagine só…

Cozinhar é outra representação muito forte da energia feminina e, por isso, acho a foto escolhida para homenagear a maquiadora Vanessa Rozan muito forte. Nela, vemos três gerações juntas, com a mãe da Vanessa ensinando a filha e a neta a cozinhar. Bordei na foto um texto de Eduardo Galeano em que ele aponta para um futuro de condições melhores e mais justas para as mulheres.

A jornalista Joyce Pascowitch também ganhou um bordado especial. Para ela, realizei um trabalho bastante gráfico e colorido. Sei que ela é dona de uma vasta coleção de louças e quis, então, criar algo que dialogasse com essa proposta! Resultado? No domingo de Dia das Mães, lá estava uma foto do presente na timeline do Instagram dela que, aliás, entrou em contato comigo para agradecer e elogiar outras peças.

Os bordados são uma maneira que encontrei de dar um toque único e especial a retratos e fotografias, tornando-os uma ótima opção de presente. E é incrível como emocionam os presenteados, de fato alcançam os corações das pessoas e ganham espaços não só nas paredes das casas como eternizam instantes com delicadeza.